CTRPE – Central de Tratamento de Resíduos LTDA

Institucional

Quem Somos

A CTR-PE é uma empresa privada, instalada em área própria de 106 hectares, sendo 20 hectares de reserva legal, sob uma completa e segura plataforma para tratamento e destinação final de resíduos sólidos, conforme classificação da NBR 10.004, disposta em três unidades de negócios:


- Consultoria Ambiental;
- Aterro para resíduos sólidos industrias classe I;
- Aterro para resíduos sólidos classe IIA (não inerte) e IIB (inerte).

Institucional

Fornecer a Pernambuco e demais regiões no Nordeste infraestrutura necessária para o tratamento e disposição final dos resíduos públicos e privados, de modo a garantir a preservação do meio ambiente.

Contribuir para a melhoria da qualidade de vida atual, gerenciando a disposição final dos resíduos gerados por ela, visando um equilíbrio sustentável para a próxima geração.

1. Segurança - Compromisso efetivo de executar o serviço;
2. Corresponsável - O problema dos nossos clientes também é nosso;
3. Confiança - Consolidação das partes no negócio;
4. Ética - Postura responsável no tratamento singular entre cliente e natureza;
5. Educação - Ação desafiadora de implantar a cultura da sustentabilidade em nossa geração.

Localização

  • Localização

    Na zona rural de Igarassu, margens da BR 101 norte, Km 28,5, onde o acesso é totalmente pavimentado e geograficamente próximo aos principais polos industriais do estado.

    Distância dos principais pólos industriais de Pernambuco
    Itapissuma.............04 Km      Hemobrás.............26 Km      São Lourenço...............58 Km
    Itamaracá...............11 Km      Olinda....................27 Km      Suape............................77 Km
    Abreu e Lima.........17 Km      Recife.....................40 Km      Touritama...................153 Km
    Paulista..................21 Km      Camaragibe...........46 Km      Araripina.....................650 Km

Balanças

A operação de pesagem conta com duas balanças, sendo uma delas com capacidade para pesar veículos com até 80 toneladas de peso total e 21 metros de comprimento, interligadas por sistema informatizado, com sistema de backup e gerador de energia, tudo para garantir a continuidade da operação.

Laboratórios

Um laboratório montado com modernos equipamentos, utilizado no monitoramento da estação de tratamento de efluentes (ETE), onde são realizadas as seguintes análises: DQO, DBO, Série de Sólidos, Nitrogênio Amonical, pH, Metais, Temperatura, Cloreto e Alcalinidade.

Auditório

Climatizado, com capacidade para 50 pessoas, destinado à realização de treinamentos, apresentações, palestras técnicas e recepção de visitas agendadas.

Infra
Estru
tura

Bloco de Engenharia

Concentra as atividades relacionadas a qualidade e meio-ambiente, manutenção de infraestrutura de aterro e engenharia.

Bloco Administrativo

Onde estão concentradas todas as atividades relacionadas a atendimento ao cliente, secretaria, compras, serviços gerais e departamento de pessoal;

Jazida Própria

Todo o material utilizado na cobertura dos resíduos do aterro classe II, é extraído no próprio aterro, a partir do material escavado para construção das células subseqüentes.

Estação de Tratamento de Efluentes (ETE)

A ETE da CTR-PE foi projetada para tratar o líquido/percolado/chorume proveniente das células do aterro sanitário, além de outros efluentes compatíveis com este tratamento.
O projeto contempla duas fases, a saber: Uma fase Físico-Química e outra Biológica.
A fase Físico-Química que tem como objetivo a separação e retirada dos metais pesados e alguns sais.

A fase Biológica é subdividida em duas etapas: Um reator Anóxico e um Aeróbio.
O primeiro irá realizar a nitrificação/desnitrificação do efluente com eliminação de parte do nitrogênio.
A segunda etapa Biológica do tipo lodo ativado por ar difuso tem como objetivo a redução de DQO e sólidos em suspensão bem como a remoção de matéria orgânica em forma de lodo. Esta lodo depois de adensado, é direcionado ao leito de secagem que tem o posterior retorno ao próprio aterro da CTR-PE. A estação conta ainda com um laboratório de análises físico-químicas para monitoramento e suporte na operação da ETE e, ainda, verificação da performance da mesma.